segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Dom Um Romão - Hotmosphere (1976)


Agora eu tenho um disco digno.
Dom Um Romão, é o meu sujeito digno, baterista carioca nascido no dia 3 de Agosto de 1925, junto a João Gilberto é tido como um dos criadores da batida da Bossa Nova. Trabalhou na Rádio Tupi, acompanhando cantores e nos anos 50 formou o Copa Trio, é tido como o responsável por introduzir Elis Regina no meio do Beco das Garrafas, lendário local onde surgiu a bossa nova.
Na década de 60 juntou-se a Sérgio Mendes para executar shows nos EUA, na disseminação da música brasileira por lá. Tocou em shows com Elis Regina, Quarteto em Cy, Elizeth Cardoso entre outros.
No final da década de 60, casado com Flora Purim, voltou aos EUA e participou de discos de Jobim e Tonny Bennet.
Na década de 70 entretanto vem um grande marco de carreira, quando tornou-se integrante do Weather Report, banda de Fusion, comparável aos Headhunters de Herbie Hancock e ao Pat Matheny Group, foi considerado um dos grandes inovadores da linguagem do Jazz. Apenas então em 1972 que lançou seu primeiro disco solo, "Dom Um Romão". Na década de 80 foi morar na Suiça e sempre participou de festivais de Jazz e Samba ao redor do mundo.
É um baterista diferenciadíssimo e o disco de hoje é de 1976, já depois das suas experimentações jazzísticas e fusiônicas (?!), arranjado por Célia Vaz, formada pelo Conservatório Brasileiro de Música e Instituto Villa Lobos e pela Berklee School of Music em Boston, com Dom Salvador no piano, pianista que tornou-se profissional aos doze anos e excursionou pela Europa com Edu Lobo entre outros, Cláudio Roditti no Trompete, incrível trompetista que cativou Dizzy Gillespie e Ed Lincoln, e Sivuca no Violão e vocais, conhecido por disseminar a sanfona do meu nordeste, além de multiinstrumentista e virtuose como seu colega, Hermeto Pascoal, que não requer introdução.
Tudo isso em mente esse disco traz uma sonoridade incrível, músicas diferenciadas, tocadas de forma única, com arranjos bem brasileiros, e genialidade fluindo pela janela nisso que é um brilhante e legítimo Jazz Brasileiro.

Faixas:

  1. "Escravos de Jó" 4:06
  2. "Mistura Fina" 3:01
  3. "Caravan" 5:14
  4. "Spring" 3:33
  5. "Pra Que Chorar" 4:44
  6. "Amor en Jacuma" 5:28
  7. "Tumbalele" 3:21
  8. "Piparapara" 3:53
  9. "Chovendo na Roseira" 3:16
Link nos COmmENTS

8 comentários:

Lampeão disse...

http://lix.in/-92de44

Anônimo disse...

boa cara


abraço, batista

Luiz Frota disse...

Valeu !!!!

Francisco Fernandes disse...

Camarada Lampeao!

Tem como você postar novamente esse disco ? O link está querbrado e to louco atras de material desse cara.

Um abraço

psychoZe disse...

Epa! grato se repostar também!!

dona moça disse...

encontrei um link ativo,


corram: http://www.mediafire.com/?n89il13oka8lrf6


abç a todos,

Anônimo disse...

Link novo e ativo, pleeease!

Anônimo disse...

Mendigando link novo 6 anos depois, unico link encontrado para busca no google, reativa mano!