sábado, 3 de julho de 2010

Parliament - Osmium (1970)


Get funky babe!
Ah o Funk, o que seria do groove sem ele? O funk é um estilo americano surgido nos anos 60 nos Estado Unidos mesclando o R&B e o Soul com ênfase em fraseados de guitarra pegados (por vezes apenas um acorde) e linhas de baixo fortes, pegada bem motown. No meio da década de 60 o funk era a imagem de James Brown, Sex Machine, Watergate, etc.
Na década de 70 o nome do funk era George Clinton, o cabeça de dois projetos contemporâneos, o Funkadelic e o aqui divulgado hoje, o Parliament. Os dois grupos com membros em comum por vezes são coletivamente chamados de Parliament-Funkadelic ou P-Funk. No meio da década de 70, após disseminação do funk pelo país os retornos são o Sly & The Family Stone, Rufus & Chaka Khan, Isley Brothers, etc.
E é de metade do P-Funk que eu vou falar nesse saque. O Parliament foi a grande banda de Funk da década de 70, encabeçado por George Clinton. George Clinton é o vocalista do Parliament e é considerado um dos pais do Funk juntamente com James Brown e Sly Stone. O Parliament começou de uma brincadeira numa barbearia. E para organizar tudo de vez, Clinton juntou-se a Billy "Bass" Nelson, baixista que trabalhava na barbearia e Eddie Hazel nas guitarras. Para completar a banda o guitarrista Tawl Ross, o organista Mickey Atkins e o baterista Tiki Fulwood. Para acompanhar George Clinton, Fuzzy Haskins, Calvin Simon, Grady Thomas e Ray Davis integraram os vocais do parliament.
Em 1970 essa banda grava um disco chamado Osmium. Funkeira de primeira com fraseados cheios de groove e feeling, bateria pirada e bem tocada, órgão rasgado e lindos vocais marcam um novo cenário musical no primeiro disco do Parliament, apesar de muitos acreditarem que o Up for The Down Stroke o seja.
O grande diferencial do Parliament é que ele traz diversas influências do Funkadelic que o distanciam daquilo que é o funk como definição no primeiro parágrafo desse post. Algumas (grande parte) das músicas apresentam influências pesadas do Rock'n'Roll americano da década de 60, como "Little Ole Country Boy" e "My Automobile". Outras são funk puro como "I Call My Baby Pussycat".
O disco foi lançado por várias gravadoras com diferentes ordens de músicas. Esse que eu ponho à sua disposição é diferente de todas, mas tem todas as músicas e eu sei lá porquê.
Funkeira de primeira geração é isso aí.

Faixas:
  1. "I Call My Baby Pussycat"
  2. "Put Love In Your Life"
  3. "Little Ole Counry Boy"
  4. "Moonshine Heather"
  5. "Oh Lord, Why Lord-Prayer"
  6. "My Automobile"
  7. "Nothing Before Me But Thang"
  8. "Funky Woman"
  9. "Livin' The Life"
  10. "Silent the Boatman"
  11. "Red Hot Mama"
  12. "Breakdown"
  13. "Come In Out of The Rain"
  14. "Fantasy is Reality"
  15. "Unfinished Instrumental"
  16. "Loose Booty"
  17. "Breakdown (Mono 45 Version)"

2 comentários:

lampiao disse...

http://kkkvkz.link-protector.com

Lampeão disse...

http://lix.in/-82d119